Omas Käsekuchen*

Imagem

“Ó mãe, hoje quero fazer um bolo contigo, pode ser?”, perguntou-me a minha filha ao pequeno almoço, “Claro, amor. Fazemos um bolo de chocolate ou o bolo de queijo da avó?”, “Omas Käsekuchen!”, respondeu o meu marido ainda antes de eu ter acabado a frase.

Imagem

Depois do almoço, chove neve lá fora e cá dentro, pai e bebé dormem a sesta. “Vamos fazer o bolo?”, perguntei e, como resposta, a minha filha encosta a sua cadeira à bancada da cozinha. Ponho 125 gr. de farinha numa taça. “Ó mãe, já posso provar?”, “Põe primeiro o ovo”, “Ó mãe, já posso provar?”, “Espera, com o açúcar sempre fica melhor”, e entrego-lhe 60 gr de açúcar. Misturo eu 100 gr de manteiga derretida à massa. “Tenho sede”. Viro-me de costas para bater três claras em castelo com 90 gr. de açúcar e misturo 300 gr. de queijo quark com sumo e raspa de meio limão 30 gr. de farinha maizena. Quando as claras ficaram em castelo, juntei-lhes as gemas uma a uma, mas baixando a velocidade da batedeira. Entretanto, misturei suavemente as claras com o quark. E a minha filha diz-me, baixinho: “Ó mãe, a mana esteve aqui e pôs água na massa…”. Nesta altura, desejei eu estar a dormir a sesta em vez da aventura do bolo. Relembrei a minha filha que a sua irmã estava a dormir a sesta no quarto e não acordada na sala e que a única entidade que pode estar em dois estados diferentes ao mesmo tempo é o gato de um senhor com nome complicado. Depois de esclarecido o mal entendido, disse-lhe que o problema se resolvia facilmente juntando mais farinha. Obtendo a consistência desejada, formei uma bola com as mãos e pu-la a arrefecer**. Em fria, estiquei-a com o rolo da massa e com ela forrei uma forma redonda de 26cm. Adicionei a massa do queijo e levei a forno quente a 150 graus por cerca de 45 minutos, tendo retirado o bolo do quentinho quando o teste do palito deu positivo.

Imagem

* O bolo de queijo da avó

** Caso tenha curiosidade nesta experiência, omita a parte da água e faça primeiro esta massa base, pois precisa refrigerar e, se o fizer no congelador, o tempo que demora a fazer a massa do queijo é suficiente para atingir a temperatura desejada da massa base.

Imagem

7 thoughts on “Omas Käsekuchen*

  1. Ha ha, a tua filhota é uma marota🙂 Ainda bem que foi água e que a coisa se resolveu. É uma pena não encontrar quark por aqui. Se calhar queijo-creme também dá, não?

    • Olá Ameixinha, é verdade, é mesmo marota🙂.
      Pensava que em pt o Aldi e o Lidl tinham quark. Podes fazer c queijo creme e tb podes fazer com queijo creme e iogurte.
      Beijinhos
      Sofia

  2. ai,ai, essa princesinha marota já quer inventar receitas… maso o bolo está apetitoso, por isso o melhor será mesmo ” a mana deitar água na farinha”. bjs a todas

    • O bolo é mto bom, diferente dos cheesecakes q se fazem no frio, pq fica mais fofinho por causa das claras em castelo. É um classico!
      Beijinhos cheios de neve
      Sofia

  3. Gostei muito da textura do Bolo de Queijo da Avó! Fiquei com vontade de experimentar. Como referes, as claras em castelo dão-lhe outra leveza e suavidade.
    Parabéns pela ajudante! Vais ver que com a prática, ela vai lá (he,he).
    Bjs. Bombom

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s