Maçanada de marmelo …

… ou marmelada de maçã? De um passeio de fim de semana a um parque da cidade, veio um belo carregamento de maçãs e da minha sogra vieram marmelos. Pensei que haveria de fazer marmelada e, ao partilhar a ideia com o meu marido, ele sugeriu que juntasse também maçãs. Assim fiz. Fui ao meu caderno de receitas e abri na receita de marmelada que a minha avó me deu. Comecei por pôr 4 marmelos inteiros a cozer na panela de pressão com 1 dL de água. Entretanto, descasquei e descarocei 6 maçãs. Dez minutos depois, retirei os marmelos da panela e pus as maçãs com mais um gole de água. Deixei os marmelos arrefecerem e retirei-lhes as sementes e pele, tarefa agora muito mais fácil do que quando estavam crus. As maçãs cozeram 10 minutos e ficaram feitas em puré. Juntei os marmelos (depois de cozidos, descascados e descaroçados ficaram em cerca de 750 gr) às maçãs (depois de descascadas e descaroçadas, cerca de 750 gr.), triturei com a varinha mágica, juntei um pau de canela, um cálice de vinho do porto e 600 gr. de açúcar amarelo. Misturei bem e fechei a panela de pressão. Deixei cozinhar cerca de 20 minutos, abri a panela depois da pressão sair e dei umas mexidelas (nesta etapa é preciso algum cuidado para não se queimar com o doce, que borbulha bastante). Voltei a fechar a panela e cozinhou mais 10 ou 15 minutos. Depois da panela abrir,  distribuí por taças e, quando a marmelada secou, pincelei umas gotinhas de medronho por  cima e tapei com papel vegetal, para conservar melhor.

Esta marmelada não ficou dura, ficou com consistência de compota e o sabor do marmelo sobrepôs-se ao sabor da maçã, apesar deste ter uma subtil presença. Não é de cortar à faca, mas de comer à colher – confesso – directamente da taça, enquanto cantarolo a música do Pica-pau amarelo, que não me sai da cabeça desde que o meu marido me sugeriu juntar maçãs e marmelos na mesma … marmelada ou maçanada?? E, pelos vistos, não sou a única com a música no ouvido!

Advertisements

13 thoughts on “Maçanada de marmelo …

  1. E eu de blog em blog a sonhar com as vossas marmeladas 🙂

    (Olha, eu subscrevo por e mail, e vou sempre sabendo as tuas notícias, mas poderias activar os feeds no teu blog? Era mais fácil seguir as actualizações.)

    Um abraço e bom fim-de-semana

    • Olá Ana! actualizaria com prazer se soubesse como! 😉 Já q tb. estás no wordpress, sabes dizer-me como posso fazê-lo?
      obrigada e bom fds!
      Sofia

  2. Olá Sofia,
    Uma óptima ideia a de juntar vinho do porto à marmelo-maçanada 🙂
    De uma próxima vez experimenta juntar uma pitadinha de cravinho em pó, dá-lhe um toque subtil e exótico.
    Beijocas

    • Moira,
      boa ideia, essa de juntar cravinho. Hei-de experimentar na próxima dose. Esta marmelada já esta de todos os modos reduzida a metade, tal tem sido a (minha) gulodice! ;). Obrigada pela dica!
      Bom fim de semana
      Sofia

  3. Olá Sofia,
    aposto que essa maçanada de marmelo deve ter ficado excelente. A música do Sítio do Pica-Pau Amarelo não me sai da cabeça! 🙂 É mesmo viciante. Tal como a marmelada.

    Um beijinho grande.

  4. Olá Gisela,
    Nao sei se foram as maçãs, se foi por ser a primeira vez que fiz marmelada, mas é verdade, gostei mesmo e vou repetir (da prox vez com cravinho)!
    Beijinhos
    Sofia

  5. Sofia
    Que bela experiência nos trazes. Nunca pensei juntar o que quer que fosse aos marmelos. Acredito que tenha ficado muito bom, até fiquei com vontade de experimentar, mas aqui é primavera e os marmelos andam desaparecidos.
    Um beijo

  6. Gostei muito da tua receita por levar vinho do Porto. Nunca me tinha lembrado de tal coisa! E a dica da Moira também deve ficar excelente. Como ainda tenho marmelos que colhi no meu quintal da aldeia, vou experimentar fazer das duas maneiras!A marmelada cremosa como a tua ficou também é muito agradável, só que não se conserva tanto tempo. Mas como não vai sobrar nada, também não há problema. Aqui em Portugal, nesta altura do ano também já não há sol nem calor suficiente para a deixar secar, mas conserva-se em frascos herméticamente fechados, ou no frigorífico. Bjs. Bombom

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s