Pesto de coentros com alho e sementes de abóbora

A Pipoka inspirou-me com este pesto de coentros. É das tais receitas que tinha que experimentar imediatamente! Comecei por tostar uma mão cheia de pevides numa frigideira anti aderente. Reservei as pevides e pus um gole de azeite. Juntei dois dentes de alho esmagados e deixei fritar levemente. Nestas andanças, para mim o alho tem que andar sempre a par com os coentros. Os coentros a solo fariam a festa e brilham em saladas e sopas, conferindo aquela sua típica frescura sem precisar de par. Mas casar alhos com coentros é para mim o sublimar do melhor dos sabores de cada um. Basta pensar nos pratos maravilhosos da cozinham portuguesa que conjugam alhos com coentros. Reservei os alhos e, enquanto esperava que arrefecessem, piquei um ramo de coentros e sequei com papel absorvente. Juntei umas pedrinhas de sal, moí pimenta preta, juntei um gole de azeite, os alhos e as pevides. Triturei e fui juntando azeite até atingir uma consistência pastosa (cerca de 2 c.s.). Ao voltar ao post da Pipoka, reparo que tanto a receita da Pipoka como a da Fer e da Agdá tem sumo de limão. Da próxima vez conjugo o trio alho-coentro-limão.

Advertisements

6 thoughts on “Pesto de coentros com alho e sementes de abóbora

  1. Infelizmente também não consegui que os meus coentros crescessem felizes e verdinhos. Deram semente e deixo-a cair por terra a ver o que dá 🙂 Aqui no Norte não temos muito o hábito de usar coentros, é mais salsa mas até acho os coentros muito mais interessantes. E alho é coisinha que não pode faltar!

    • aqui tambem ja tentei crescer coentros mas nao resultou. e quanto ao alho, o que vale é que o meu marido é tão fã como eu! senão lá se ia o beijinho!… 😉

  2. Sofia,

    Este pesto é mesmo uma maravilha. Além disso, é muito, mas muito mais económico do que o pesto tradicional, pois os pinhões são tão caros que até costumam ter alarme anti-roubo.

    Ainda bem que gostaste, folgo muito em ver aqui uma receita que tb foi feita por mim.

    beijocas

    • podes crer que e uma maravilha! ontem chegamos esfomeados a casa depois de um concerto e la se foi o resto do pesto com esparguete do dia anterior! e soube taaaaooo bem! 🙂
      bjs
      Sofia

    • para mim é muito melhor que o clássico. mas eu sou suspeita, pois tudo se torna bom para as minhas papilas gustativas quando os coentros dão a sua nota!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s