As pataniscas da laranjinha chegaram à Prússia

Quando vi as fotos das pataniscas no post da Laranjinha que descreve o picnic das nossas belas food bloggers lusitanas (e que deve ter sido fantástico!), decidi o que haveria de fazer para o jantar. Eu adoro pataniscas. A minha mãe faz umas pataniscas de bacalhau perfeitas, fantásticas. Enquanto ela frita, eu vou comendo. Até a minha barriga encher e ela dizer: “tanto tempo a fritar e só renderam estas?!”. Nessa altura já estou eu no sofá de barriga para o ar e sem condições de lhe dizer que não, que rendeu bastante. Mas que da próxima vez o melhor é fechar a porta da cozinha para as malandras não escaparem. Também já lhe pedi a receita. E a minha mãe disse, mais fácil não há: ovos, leite e farinha, e depois juntas o que quiseres, e as quantidades, pergunto eu, vais vendo, diz a minha mãe, até que tenha boa consistência, boa consistência?, indago, sim, uma consistência boa para fritar, e como é essa consistência?, deixo no ar. Então hoje descobri aqui o segredo da massa das pataniscas: 100 gr de farinha para 1 ovo e 75 cL de água. Juntei tudo, usando o truque da minha mãe para não criar grãos enquanto se mistura a farinha:  juntei lentamente o ovo já batido com a água à farinha, mexendo sempre. Piquei uma cebola pequena, um dente de alho, um cebolo, umas folhinhas de sálvia e salsa. Juntei sal e pimenta. Mexi tudo e pus óleo numa frigideira. Ao óleo bem quente, juntei colheres de sopa desta massa e deixei fritar até dourar levemente, virando e retirando para papel absorvente quando estavam douradinhas dos dois lados. Espremi umas gotas de  limão por cima das pataniscas e, ao provar, o meu primeiro pensamento foi, mmmm, o segundo, as da minha mãe são melhores.

Advertisements

11 thoughts on “As pataniscas da laranjinha chegaram à Prússia

    • Ameixinha, se eu provasse as da Laranjinha se calhar dizia o mesmo. Afinal eu ate aldrabei um bocadinho a receita, como e meu costume! As da minha mae sao melhores que as minhas porque sao da mae e a comida da mae tem aquela qualidade mistica que a torna a melhor comida do mundo e ninguem sabe explicar porque! 😉

  1. Já sabia que o que sai da Cozinha da Laranjinha é de 5 estrelas, tal como as famosas Pizzas, os Legumes Assados, Saladas Multicores… agora vou acrescentar as Pataniscas!
    Para as tuas Pataniscas ficarem como as da tua Mãe, só lhes falta o bacalhau desfiado. E em vez de água simples, usar a água de o cozer. Experimenta e depois diz se não tenho razão. Bjs. Bombom

  2. Estou agora a pensar que a grande diferenca entre estas pataniscas e as da minha mae foi a consistencia. e acho que e o bacalhau que da essa consistencia que nem sei explicar muito bem como e: ao mesmo tempo que sao fofas, sao tambem cheias, ou seja, nao estao cheias de ar. As minhas ficaram muito saborosas, mas faltou-lhes essa consistencia e acredito que o atum que a Laranjinha usou nas dela tambem atribua esta consistencia as pataniscas. portanto, tenho mesmo que experimentar com bacalhau ou com atum!

  3. Olá Sofia,
    fico muito contente em descobrir que estas pataniscas chegaram a um reino tão distinto! 🙂

    Eu já fiz de atum e de bacalhau e também notei que a consistência é diferente. Mas aquilo que as nossas mães fazem é realmente sagrado.

    Um beijinho

  4. Ola Laranjinha,
    Obrigada pelo teu comentario! 🙂 Pois, para mim, distintas sao as receitas do Reino de D. Laranjinha! 😉
    As pataniscas ficaram muito saborosas e a versao com bacalhau esta no top 5 da lista de cozinhados a fazer! tenho que experimentar a diferenca! 🙂
    bjs

  5. Olá Sofia
    Estava a pensar como seria possível, uma vez que não sobrou nenhuma…..
    Eu já não posso dizer que as da mãe são sempre melhores, mas se as minhas não saírem bem, sempre tenho a Laranjinha 😉
    Um dia comemos pataniscas em Lisboa e no dia seguinte alguém as experimenta em qualquer parte do Mundo, são as coisas boas da net.
    Um beijo e bom fim de semana.

    • Pois é, tenho mesmo que provar as famosas pataniscas da Laranjinha. Agora estou numa de ondas, peixe e mar. Quando regressar ao reino do frio! 🙂

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s