pizzas lilliput

Hoje, quando o meu marido me disse que ia sair com os amigos, vi logo onde ia ser o meu serão. O leitor mais atento facilmente infere que foi na cozinha. Difícil foi decidir o que fazer. Doce ou salgado? Sopa ou salada? No forno ou no bico do fogão? A minha intenção era fazer de tudo um pouco, mas resolvi adoptar uma atitude mais realista e comecei por fazer massa para pizza.

Numa taça, juntei 175 gr de farinha integral, 175 gr de farinha de trigo, sal e açucar qb e um gole de azeite. Tirei outra taça do armário e pus em cima da mesinha lilliput, com o pacote da farinha ao lado e perguntei à pequerrucha se ela queria fazer pizzas. Ela dirigiu-me um olhar céptico e pediu-me mais uma vez para ir ver o Monstro das Bolachas no youtube. Eu fiz orelhas moucas, sentei-me na cadeirinha lilliput e comecei a juntar 200 mL de água tépida aos meus 350 gr de farinha. Quando a minha filha me viu com a mão na massa, então decidiu juntar-se a mim e começou a juntar farinha e água na taça. E na mesinha. No chão. Na sua cara, cabelo e roupa. Ela continou a mexer na massa dela e eu na minha, juntando mais farinha até a massa não pegar. Fiz uma bola, tapei e guardei em local escuro. Entretanto, adicionei um pouco de sal à massa da minha filha, pensando fazer “dip-sticks”. A minha filha entusiamou-se com a ideia e, num momento de distração, apanhou o sal, talvez pensando ser farinha ou simplesmente pensando: ” a xi doci na. ja. maix mamã. já tá”, e verteu o pacote na sua massa. Tentei resgatar a massa rejeitando o sal, mas ela não achou muita graça. Afinal, esta era a sua massa. Então, perguntei se queria fazer rolinhos com a massa, demonstrando-lhe o procedimento de transformar uma bolinha de massa num cilindro rolando-a entre as mãos. Ela começou a enrolar a massa entre as suas mãozinhas, mas resolveu passar a retirar bolinhas da massa e dar-mas. Levei os rolinhos ao forno e a minha filha à banheira e, de seguida, à caminha. Entretanto, a minha massa da pizza já tinha descansado mais do que os 15 sugeridos na receita original e os rolinhos da minha filha já tinham adquirido um tom levemente dourado. Tirei-os do forno e comecei a tratar da minha massa. Retirei 12 bolinhas do tamanho de uma noz, enfarinhei-as e transformei-as em bases de mini pizzas com o rolo da massa. Pus a outra metade da massa no frigorífico, piquei as mini bases com um garfo e pincelei com azeite e alho esmagado. Levei-as  a forno quente a 200 graus e comecei a preparar o recheio das pizzas. Numa tacinha, pus um tomate grande cortado em cubinhos pequeninos, dois dentes de alho esmigalhados, uma colher de sopa de Crème fraîche, uma colher de chá de pesto verde (manjericão e pinhão), flôr de sal e pimenta. Fui ao meu jardim e trouxe dos vasos da varanda um raminho de oregãos frescos, outro de sálvia, mais um de alecrim e um outro de tomilho. As mini bases ficaram no forno por 10 minutos. Retirei-as do forno e coloquei-lhes o topping: uma colher de sopa em cada mini base, por cima as ervas frescas picadas (em algumas bases, todas misturadas, noutras cada erva a solo) e, para finalizar, ralei parmesão. Levei ao forno por mais 10 minutos e sairam de lá umas pizzas lilliput apetitosas e saborosas!

,

8 thoughts on “pizzas lilliput

  1. que engraçado, acabei de deixar um comentário no teu blog e, quando regresso ao meu, tenho um comentário teu! 🙂
    fico contente se esta estória te reavivou boas memórias!
    bj

  2. Querida Sofia,

    Além de ter gostado muitíssimo da narrativa desse serão de mãe e filha bem passado na cozinha, adorei a sugestão de recheio para as pizzas liliputianas.

    bjs

  3. Sofia
    Antes de mais foi um prazer receber a sua visita no meu Estaminé. E, como sou curiosa vim à sua procura. Fiquei deliciada com a cena da Filhota a fazer os torcidos de massa e a despejar o sal por cima daquilo tudo!
    Gostei das mini pizzas e dos recheios imaginativos.
    E gostei dos bolos de frutas e das ajudas da Sogra.
    E voltarei com mais vagar um dia destes. Bjs. Bombom

  4. Pingback: Da tertúlia para a minha mesa « No reino da Prússia

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s